domingo, 22 de agosto de 2010

Vida

A àgua cai
A àgua sobe

O rio vai
E o mar dorme

Acordam as ondas
Levantam as marés
As gaivotas zonzas
Os peixes, bués

O pescador incauto
O barco assustado
O mar irritado
O homem apavorado

Um dia de trabalho
Só sobreviver
Viver é lixado

Quando se tem pouco prazer.

Sem comentários:

Enviar um comentário

O seu comentário é muito importante para mim! Obrigado!