terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Aparição



Auscultou-me o peito
Que fiz eu
Nos lábios trazia-me pendurado
Portanto que a sua palavra era minha
E a sua vontade tirana

Sabia-me
Que fiz eu
Como quem só se sabe a si
Trazia-me era já estudado
E súbdito

De mim
De mim
De mim
Pois que pensavas
De mim.

Sem comentários:

Enviar um comentário

O seu comentário é muito importante para mim! Obrigado!