segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Oh Oh Oh

os pinceis estão a mão
a tela sempre desimpedida

não precisamos todos de ser pintores
mas abramos caminhos à vida

eu quero ser artista
de faca na mata

dormir ao relento
construir sempre casa

Sem comentários:

Enviar um comentário

O seu comentário é muito importante para mim! Obrigado!