terça-feira, 12 de março de 2013

i just died in your arms tonight

No delírio de te ter desejado
- Qual razão melhor para afogamento
Do que não te ter então encontrado? -
Se a paz havia durou um momento.

Agora, a tua face ilumina em falso
O imenso espaço que me falta.
Entende que ver-te é estar descalço
Num chão frio que farta:

Ide-te de mim.

Sem comentários:

Enviar um comentário

O seu comentário é muito importante para mim! Obrigado!